sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Crónica de uma mulher no super mercado, em dia mundial da poupança 

Hoje vou-me fartar de poupar!!! é uma resolução que tenho de tomar, quer chova, quer faça sol - até já fiz a minha lista de compras:

- 3kg de arroz - compro só um para pintaínhos, cozo 30m e ele cresce como os outros, até faço puré se for preciso... para variar as ementas...

- 6l de leite - compro 3, junto metade de água, as crianças nem notam....

- 1 l de lixívia forte e 1 litro da delicada - levo 2 só da purinha, a roupa tem de se habituar, eu também me habituo a muita coisa!!! E depois fica tudo desinfectado, não há micróbio que entre lá em casa. Até mesmo nós, mesmo que comamos menos é como se estivéssemos vacinados contra a tuberculose e outras doenças. A lexívia mata tudo. Até ia matando a D Emília...disse que ficou sem ar depois de lavar o chão da casa dela. Ninguém a mandou respirar demais!!! E lá se foram os periquitos dela também.....gostava tanto deles....olha...azar dela.... acontece aos melhores....

- Pó para máquina lavar - que é isso? tenho muito tempo depois do trabalho, compro sabão macaco e vou ali para o rio...parece que despejam lá uns esgotitos (a Câmara teve de comprar 55 carros e ficou sem dinheiro para saneamentos), mas não há-de ser nada, dantes era assim e as pessoas viviam até aos 100 anos. E dizem que o sabão é muito bom para o banho, protege a pele das infecções, é fresco e desinfectante das zonas íntimas, nem tem corantes nem conservantes...aquilo das estrelas de cinema é tudo conversa para nos enganarem. E põe os cabelos crespos e cheios de volume, como se usa afinal, serve de sabão para a barba e tudo ... os homens querem-se feios e a cheirar a cavalo

- papel higiénico - hmmm?? ora, ora, no tempo da minha mãe cortavam-se quadradinhos de jornal, ou ia-se para o meio das couves!! Logo à noite acendo uma velinha e ponho o pessoal a cortar papel, vão divertir-se muito! Levo um rolinho para alguma visita que lá vá, para não parecer mal.

- 1/2 dúzia de ovos - não, não, vou comprar 2 pintos e ponho-os na varanda - passo muito sem ovos durante 6 meses, mas depois vai ser um fartote. Os retornados (sem ofensa) também punham porquinhos nas banheiras e olha, que me conste não morreu ninguém de difteria. Não somos mais que eles

- comida para o cão - pensando bem...ele na rua é que está bem, eles são felizes é em liberdade, pobres bichos presos em casa - que vá ao lixinho, como fazia dantes, acabou-se o tempo das vacas gordas. E depois aquela Assumpção Cristas ainda me manda a polícia a casa.

- carne e peixe??? os vegetarianos é que a sabem toda!! andam para aí fresquinhos que nem alfaces!! Amanhã vou até ao pinhal apanhar umas leitugas, os coelhos adoram, porquê nós não??? e uns cogumelos bem fresquinhos, afinal até dizem que nos podem tir a tosse e como aí vem o tempo das gripes... vai ser só poupar na farmácia....

mas que esperta que eu estou!!! e que poupada... O governo e a troika vão ficar tão felizes comigo, que ainda vou ser notícia dos jornais....aquela história do burro do inglês até tem o seu quê de verdade...

Sem comentários: